InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seMembrosGruposConectar-se

Compartilhe | 
 

 After Summer Everything Is Different *| 13 |*

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Seg 24 Nov 2008, 15:38

- Olha bem para mim Anne. – eu olhei. – Sou amarelo e com uma cara pegajosa?
- Deixa lá ver.
– toquei-lhe. – Simon, acho que precisamos de ir ao médico.

Pa adorei a sério!
"Sou uma velinha!"

Mais!! *__*
Voltar ao Topo Ir em baixo
- PinkCookieMonster.

avatar

Número de Mensagens : 976
Idade : 21
Localização : Pegões(terra n popular)
Tokio Hotel preferido : Bill Kaulitz <3
Data de inscrição : 09/07/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 26 Nov 2008, 10:29

Desculpa nunca mais ter comentado! Embarassed
Escola -.-'

Bill e Anne tem de dar!
Eles são bueh fofinhos! +.+

Quero mais! :'3
Beijo*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://akelaines.hi5.com
x Danie' =) Lis' x

avatar

Número de Mensagens : 751
Idade : 24
Localização : Aveiro
Tokio Hotel preferido : Georg Listing
Data de inscrição : 03/03/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Dom 30 Nov 2008, 12:33

Eu tou a ver o "abono de familia" do Tom.. Extremamente danificado se ele não para de irritar a Kat...

Almoçinho com o Bill.. Hein..

maisss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://daniella.hi5.com
catz.
Moderadores
Moderadores
avatar

Número de Mensagens : 4511
Idade : 22
Localização : candyland.
Tokio Hotel preferido : georg e tom.
Data de inscrição : 20/08/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Dom 30 Nov 2008, 13:21

Tá tão, mas tão gira Mariana!
Posta mais rapidinho por favor :3

Beijinhooo*

_________________

love is just love, it can never be explained.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sáá'zinháá



Número de Mensagens : 20
Idade : 21
Tokio Hotel preferido : Bill Kaulitz
Data de inscrição : 03/10/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Seg 01 Dez 2008, 11:22

Ola ^^

tipo.. nao me conheces (acho eu)... mas a tua "fic" tá fixe!!

continua assim!!

e desculpa alguma coisinha.........
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bri

avatar

Número de Mensagens : 1544
Idade : 25
Localização : Portalegre
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 19/02/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Seg 01 Dez 2008, 12:16

Ahahah
O Simon a fazer de vela !
xDD
Posta mais @
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://sayiitloud.blogspot.com
Bia k.

avatar

Número de Mensagens : 4724
Idade : 22
Localização : no quarto do Bill
Tokio Hotel preferido : Bill kaulitz <3
Data de inscrição : 20/09/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Seg 01 Dez 2008, 12:49

a fic ta linda

kero ler mais
posta rapido

bjx
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.beatriz25595.hi5.com
MaRianinhA

avatar

Número de Mensagens : 759
Idade : 24
Localização : With Him
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 08/05/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 03 Dez 2008, 15:07

Oláa meninas.
Bem hoje não vou fazer uma resposta personalizada porque me está a dar vontade de escrever, e tendo em conta que isso tem sido raro, vou aprovietar.
Desculpem o atraso no capitulo, mas como não tenho muitos capitulos adiantados atrasei um bocado.
Obrigado a todas.


9º Capítulo


A manhã passou super devagar, talvez por querer que a hora de almoço chegasse o mais rápido possível. Agradeço todos os dias o facto de ter reencontrado o Bill, nós estamos quase inseparáveis e eu adoro mesmo quando estamos juntos. Finalmente a hora de almoço havia chegado. Assim que o professor nos deixou sair levantei-me rapidamente e saí da sala, qual não foi o meu espanto quando vi o Bill à porta.
-Tínhamos combinado que me vinhas buscar? – perguntei-lhe enquanto andávamos para a saída da escola.
- Não, mas apeteceu-me fazer uma surpresa. – brincou. Poisou o braço por cima dos meus ombros e deu-me um beijo no cabelo. – Vamos ao Mac?
- Bem me pareceu que tu me querias pedir alguma coisa. – brinquei. – Vamos ao Mac, vamos.Fomos no meu carro até ao Mac Donalds. Quando lá chegámos eu arranjei uma mesa enquanto o Bill foi buscar a comida.
- Como é que correram as aulas? – perguntou-me ele enquanto comíamos os nossos hambúrgueres.
- Foram secantes e as tuas? – perguntei.
- Também, mas já acabaram, felizmente. – suspirou.
Peguei no meu pacote de ketchup e mergulhei o meu dedo dentre dele, depois passei-o no nariz do Bill.
- Isto é para não me fazeres pirraça percebeste? – perguntei a rir.
- Já vais ver Anne.
Quando acabámos de comer o Bill guiou-me até ao espaço das crianças do Mac.
- Estás a pensar ir lá para dentro? – perguntei
- Era essa a ideia, vá descalça-te. – pediu.
Fiz o que ele disse, descalcei-me e deixei que ele tomasse a minha mão e me levasse para dentro do parque infantil.
- Cheira mal aqui dentro Bill. – resmunguei. – Se eu e o meu rabo gordo ficarmos aqui presos, tu nem sabes o que te acontece.
- Não digas asneiras Anny.
– parámos em frente a uma das janelas de plástico. – Se ficasses aqui presa eu podia ficar a olhar para os teus olhos o tempo que quisesse. Eu adoro os teus olhos.
Passou a mão pela minha cara e acariciou-a. Não sei quanto tempo passou, segundos, minutos, horas, dias, meses, mas sei que assim que regressei à Terra o Bill continuava ali mesmo, a olhar-me nos olhos e eu sentia-me completamente vulnerável. Estava a deixar-me ir naquilo que não queria que acontecesse, mas era inevitável. Sentia que estava a perder o controlo dos meus actos e não sei se o Bill se apercebeu porque ele começou a morder o lábio inferior, depois sorriu-me e desceu a mão que estava na minha face para o pescoço. Estremeci e lutei para que os meus olhos não se fechassem dando a conhecer a minha parte fraca.
- Vamos sair daqui? – perguntou de repente. – Estar aqui até é engraçado mas tu vais ter aulas e eu quero mostrar-te uma coisa.
- Sim vamos.

Suspirei de alívio, se não tivéssemos saído dali eu tinha a certeza que acabava por me atirar para cima dele.
Descemos pelo escorrega e saímos do restaurante. O Bill pediu-me para conduzir o carro porque era difícil chegar ao sítio onde me queria levar.
Deixei-o conduzir e fomos conversando pelo caminho.
- Tu não tens carro pois não? – perguntei.
- Ainda não, mas ando à procura de um que goste mesmo e por outro lado até gosto de fazer do Tom o meu taxista privado. – gozou.
- És tão mau Bill. Quando tiveres o carro livra-te que não me leves logo a dar uma voltinha nele.
- Está prometido. Até porque é provável que eu tenha um acidente no dia em que o compre, logo mato alguém pouco importante.
- Gozou novamente.
- Eu não me vou esquecer dessa Bill Kaulitz. – ele parou o carro. – Mas porque raio estamos nós no meio do pinhal Bill?
- A partir de agora, vamos a pé.
– explicou.
Saímos do carro e eu segui o Bill por entre as arvores. Ele parecia saber exactamente por onde ia, por isso não tive receio de me perder. Começámos a descer por umas pedras húmidas e consegui ouvir o barulho de água a cair.
À medida que descíamos tudo se tornava ainda mais bonito, e eu estava perfeitamente absorta no conjunto de cores e luzes que se misturavam ali naquele sitio esplendoroso.
- O melhor ainda está para vir. – sussurrou Bill como se me tivesse adivinhado os pensamentos. Calma, ainda havia melhor?
Continuámos na nossa caminhada até que nos deparámos com um obstáculo. Íamos ter de saltar para uma parte de terreno mais baixo. O Bill saltou e estendeu-me os braços.
- Que fique bem claro que só vou aceitar a tua ajuda porque não há mais ninguém aqui. Seu automobilista assassino. – ele riu-se e eu saltei para os seus braços.
O seu corpo alto e esguio carregou-me até os meus pés pousarem no solo, pousou-me bem perto dele e ao contrário do que eu esperava, ele não me largou. Manteve as suas grandes mãos na minha cintura e a cara no meu pescoço onde deixou um beijo. Subiu até à minha face e deixou outro beijo.
- Olha para a tua direita. – pediu.
Olhei e só consegui dizer um óh que fez o Bill rir. Ele começou de novo a puxar-me para me fazer acordar. Estávamos numa espécie de lago onde existia uma queda de água. Um local com alguma luminosidade, não muita pois as arvores existentes na área circundante filtravam a luz, mas era tão bonito.
Fui arrastada para uma ponte e quando chegámos ao meio dela, sentámo-nos.
- Gostas?
- Se gosto? Isto é lindo.
- Descobri isto há uns dias, és a primeira pessoa que cá trago.
– confessou.
- Não sei o que te dizer. – respondi-lhe. Na verdade não sabia mesmo o que lhe dizer.
- Também não quero que digas nada. – brincou. – É pena teres de ir para as aulas, isto tem tantos sítios para explorar.
- Eu posso faltar sabes?
– perguntei.
- Não o vais fazer, não por minha causa. – respondeu-me. – Podemos voltar no fim de semana e trazer os outros.
- É uma boa ideia.

Olhei para o relógio e vi que se quisesse chegar a horas às aulas ia ter de ir embora já, parecendo que não aquele maravilhoso sitio ainda ficava longe da escola. Mas fiquei calada e não disse nada.
- Já está na hora não já? – perguntou. Mas que raio, como é que ele faz isto de adivinhar o que eu penso?
- Não. – respondi tentando parecer descontraída.
- Deixa-me ver o relógio Anne.
- Não.
– comecei a correr e ele correu atrás de mim. Claro que quando me apanhou viu as horas e regressámos ao carro e só parámos à porta de casa do Bill.
- Estás entregue. – afirmei amuada. – Podíamos ter lá ficado.
- Teimosa.
– respondeu-me a rir.
- Tu queres é ver-te livre de mim. – resmunguei.
- Claro que sim. – respondeu com ironia. Deu-me um beijo no cabelo. – Vai andando para não chegares atrasada. Até depois.

**

Quando cheguei à sala os meus colegas já lá estavam. Pisquei o olho à Kat e depois sentei-me.
Já a aula ia longa quando senti o meu telemóvel vibrar.
“Pensavas que te ia deixar em paz?”
Sorri. Só mesmo aquele Bill para me mandar uma mensagem daquelas, escrevi a resposta rapidamente.
“Ainda estou amuada contigo.”
Olhei para o quadro para fingir que prestava atenção mas a velocidade a que a mensagem chegou não mo permitiu fazer durante muito tempo.
“Acho que consigo contrariar isso”
Franzi a sobrancelha e respondi.
“Como o pensas fazer?”
“Eu sou uma pessoa encantadora, não reistes.”
Quando acabou a aula fui directa para a academia treinar com as raparigas. Faltava apenas um dia para irmos actuar à discoteca e estávamos nervosíssimas.
Treinámos horas e horas nesse dia e só quando nos mandaram embora é que saímos da escola.
Fui para casa depois de tomar um banho rápido e para minha surpresa tinha o jantar feito.
- Supus que estivesses cansada. – disse o Simon enquanto comíamos.
- Estou, bastante. – respondi. Ele começou a rir-se. – Porque raio te estás a rir?
- Estou para aqui a pensar que o jantar com o Bill deve ter sido muito estafante.

___

: )
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bri

avatar

Número de Mensagens : 1544
Idade : 25
Localização : Portalegre
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 19/02/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qui 04 Dez 2008, 11:34

Adorei a surpresa do Bill *-*
Foi linda mesmo!
Mais «3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://sayiitloud.blogspot.com
x Danie' =) Lis' x

avatar

Número de Mensagens : 751
Idade : 24
Localização : Aveiro
Tokio Hotel preferido : Georg Listing
Data de inscrição : 03/03/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qui 04 Dez 2008, 12:16

Almoço com o Bill estafante! Cool
Só não foi mais porque o Bill deu para ser rapaz certinho e não deixou a Anne faltar!!
*ao ler este capitulo lembrei-me constantemente do Crepúsculo! =O*

maissss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://daniella.hi5.com
Líe
Moderadores
Moderadores
avatar

Número de Mensagens : 5265
Idade : 24
Localização : Loures,
Tokio Hotel preferido : Tommi
Data de inscrição : 04/01/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qui 04 Dez 2008, 15:14

Sim, Bill, és encantador e irresistivel *-*
Qero mais <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sathi Kaulitz

avatar

Número de Mensagens : 217
Idade : 23
Localização : Na escola...com o Bill!!
Tokio Hotel preferido : Bill Kaulitz
Data de inscrição : 08/02/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sex 05 Dez 2008, 10:06

Aii q este Bill coiso...mas pq n a deixou faltar pow!! Ate q podia ter acontecido algu...se ela n fosse as aulas pow...grrr Billl grrr

Maisss

BeijO *
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sex 05 Dez 2008, 13:46

Eu tambem não gosto que faltem por minha causa.
xD

Este Bill tem sempre surpresas! =D
** Mais!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
MaRianinhA

avatar

Número de Mensagens : 759
Idade : 24
Localização : With Him
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 08/05/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sex 19 Dez 2008, 07:57

Oláa.
Vá, matem-me, esfolem-me, façam o que quiserem comigo, sim eu mereço.
Peço imensas desculpas por não postar há imenso tempo mas como disse eu fiquei sem ideias e quando fui buscar um capitulo para postar vi que já não tinha nenhum.
Desculpeeem.
Eu ando a tentar adiantar agora : )


10º Capítulo

Passaram-se três dias. Hoje era o dia do espectáculo. Nos últimos dias tínhamo-nos, eu a Lia, a Nat e a Kat, a passeado por lojas para arranjarmos roupas para a actuação. Decidimo-nos por umas calças largas e uns coletes em ganga, preta para umas branca para outras, sem nenhuma camisola por baixo.
A pressão foi aumentando à medida que os dias avançavam, quando não estava na escola, estava na academia a ensaiar com as outras e quando não estava lá estava a estudar. Comecei a ficar muito stressada e atento como o meu irmão é descobriu o que se passava, resultado ele sabe perfeitamente onde vamos esta noite.
Os rapazes bem insistiam comigo para que eu lhes contasse quando iríamos actuar, principalmente o Tom que andava todo excitado com isso.
Eu e o Bill andávamos iguais, um pouco mais próximos mas nada de relevante. Começava a existir de novo aquela atracção que existia em Cuba, mas eu estava mais que mentalizada que desta vez não iria acontecer o mesmo que tinha acontecido no passado. Por mais que me sentisse atraída eu não iria ceder dessa maneira, eu tinha definido muito bem isso na minha cabeça assim que encontrara o Bill e eram assim que as minhas ideias iam continuar. Sou teimosa? Sou, mas prefiro não voltar a sofrer o que sofri depois daquelas férias.
Andava feita tola de um lado para o outro em casa, de tão nervosa que estava. Queimei o almoço e o coitado do Simon teve de sair de casa para ir buscar comida, com o frio que estava.
- Trouxe também para o jantar, só por precaução. – brincou. Eu não me ri, não sorri. Ele poisou a comida na mesa e veio ter comigo. – Estás muito nervosa Anny, anda cá. - Levou-me para o sofá e fez-me umas massagens, e festinhas no cabelo. – Estás melhor?
- Não. Acho que vou vomitar se comer alguma coisa.
– respondi. – Mas porque raio tínhamos de vos contar que íamos lá? Agora estou ainda mais nervosa.
- Mesmo que não me contasses eu descobria, mas vocês foram dizendo aos vossos amigos, agora já vai imensa gente.
- Isso não está a ajudar nada seu estúpido.
– resmunguei. Levantei-me e segui para a mesa. – Vamos lá comer.Comemos a massa que ele tinha trazido e deixámo-nos estar a ver televisão até à hora de jantar, aí voltámos a dirigirmo-nos à cozinha para o jantar e depois voltámos para a sala. Foi um vai e vem completamente secante e rotineiro, mas eu estava tão nervosa que não me ocorria nada para fazer a não ser pensar em maneiras de me esquivar caso caísse do palco.
- Estás preocupada com o quê? – perguntou-me o Simon.
- Com o facto de poder cair do palco. – o Simon começou a rir-se. – Não tem piada tosco.
- Anny, tu danças lindamente, eu já vi. Aposto que toda a gente vai adorar.
– deu-me um beijinho na testa. – Agora mexe esse cu, vai-te vestir e pôr bonita porque está a ficar na hora.Pesarosamente dirigi-me ao quarto e peguei nas roupas que tinham sido previamente colocadas na cama. Vesti as calças de ganga, pus o colete preto e calcei as sapatilhas Nike pretas que os meus pais me tinham oferecido. Só faltava o cabelo. Visualizei-o, e depois de tentar alguns penteados, achei melhor levá-lo solto. Vesti um casaco preto da Nike, quentinho e confortável e fiz a maquilhagem que costumava fazer, lápis preto e sobra igualmente preta. Saí do quarto e olhei nervosa para o Simon.
- Quanto é que te pagaram? – perguntou a rir.
- Pagaram? – perguntei confusa.
- Estás toda à Nike. – apontou para mim e riu-se do meu nervosismo.
- Ah isso. – ri-me também. – Bem vamos?
- Sim, eu também já estou pronto.

Ele estava incrivelmente bonito. Camisola de manga comprida de riscas azuis e beges, assentavam na perfeição nos seus cabelos loiros e ar angelical. Tinha umas calças beijes, umas sapatilhas do tom das riscas azuis e um casaco azul na mão.
Descemos as escadas que davam até à garagem, ele dirigiu-se ao lugar do condutor e eu do pendura. Colocámos a capota no carro do Simon e seguimos para a discoteca. Ela ficava mesmo no centro da cidade e eram bastante conhecida, ou seja ainda mais gente para ver a nossa desgraça.
Quando chegámos à discoteca a Lia, a Nat e a Kat já lá estavam à nossa espera. O Simon como cavalheiro que era mandou-nos ir sentar e ele foi buscar as bebidas. Passado alguns minutos chegaram os gémeos e os G’s. Sentaram-se todos na nossa mesa, menos o Tom que depois de perguntar aos amigos o que queriam foi ao bar ter com o Simon.
Olhei para o Bill, estava extremamente sexy. Digam-me, como é que é possível alguém conter-se na presença de um gajo destes? Que raiva. Odeio-me a mim mesma cada vez que ele me olha e eu estremeço, odeio-me a mim mesma quando me permito pensar no verão que passámos juntos em Cuba. Não me julguem mal, eu não excluo a possibilidade de ter algo com o Bill, claro que não, mas não o quero agora, por tudo e mais alguma coisa de que já vos falei.
Ele olhava-me atentamente, tinha uma leve maquilhagem preta nos olhos, o cabelo estava um pouco levantado em cima e normal em baixo. Vestia um casaco preto e uma camisola branca com desenhos pretos, calças pretas e sapatilhas das duas cores. Estava perfeito.
Aconcheguei-me no meu casaco preto e abracei o meu próprio corpo na tentativa de me controlar.
- Estás com frio? – perguntou-me
- Ahm, não. – respondi a rir, ele apenas me deitou a língua de fora.
Ainda pensei dizer-lhe que estava apenas nervosa mas aí iria ter de contar porque e não podia dizer o motivo pelo qual estávamos ali naquela noite.
O Simon e o Tom voltaram com as mãos carregadas de copos, distribuíram cada bebida pela pessoa que a tinha pedido e sentaram-se. Falavam entre si sobre, segundo o que percebi, uma rapariga que tinham visto no bar.
- Então mas agora não vão parar de falar disso? – perguntei.
- Ela era mesmo boa Anne. – insistiu o Tom. – E já que as raparigas da nossa mesa estão todas vestidas até ao pescoço. Mas que raio se passa com vocês?
- Cala-te cabeça de esfregona.
– ralhou a Kat fazendo os outros rir.
- Realmente meninas, porque é que estão assim vestidas? – perguntou o Georg.
- É que está aqui um calor do caraças e vocês aí todas encasacadas. – continuou Gustav.
- Vocês querem é ver as miúdas despidas. – gozou o Simon.
- Passa-se alguma coisa e tu sabes o que é. – acrescentou o Bill.
- Pois sei. – disse o Simon com um sorriso malicioso. – E parece-me caro Bill, que vais saber agora. – segui o olhar do Simon e vi um homem acenar-nos. – It’s show time babes.
O homem continuava a acenar-nos e eu não me conseguia levantar.
- Ahm, Anne, sabes miúda, TENS DE VIR. – guinchou a Kat.
- Seja o que Deus quiser. – levantei-me tirei o casaco e segui as minhas colegas.
Assim que chegámos ao pé do homem ele levou-nos ao palco que se encontrava no meio da pista de dança.
- A música está pronta, assim que vocês fizerem sinal eu meto-a. – disse o homem.
- Okay, dê dois minutos depois de nós entrarmos em palco e meta-a. – disse eu.
O homem acenou afirmativamente e nós subimos as escadinhas para o palco, as luzes da discoteca apagaram-se e a música parou. Começaram a ouvir-se assobios.
- Faltou a luz? – ouviu-se alguém perguntar.
Tive uma enorme vontade de me rir mas tive de me manter séria. O senhor deixou passar os dois minutos como lhe tínhamos pedido e pôs a música. As luzes continuaram desligadas até a voz da Nicole entrar e a partir daí foi só dançar.

*
Foram três minutos que passaram bem depressa, sem erros, sem falhas, só nervosismo. Eu tinha passado muito do tempo em que dançava a observar o Bill. Acho que ele não sabia bem como reagir, a expressão dele era tão incrédula, tão surpreendida. Assim que acabou a música as pessoas começaram a bater palmas e a música de discoteca recomeçou. Nós saímos do palco meio improvisado e fomos ao bar buscar segunda rodada de bebidas.
- Correu bastante bem. – disse a Lia.
- Pois foi, fogo eu pensei que ia vomitar com tantos nervos que tinha. – comentou a Nat com cara enjoada.
- Mas safámo-nos muito bem. – concordou a Katrin. – São 4 Vodka Redbull. – disse à empregada.
- É para já. – começou a preparar as bebidas enquanto falava connosco. – Foram vocês que dançaram ali agora não foram?
- Fomos.
– respondi a sorrir enquanto observava a sua destreza no manuseamento das garrafas.
- Foi muito bom. – respondeu. Meteu as bebidas em cima do balcão. – Tenho uma proposta para vos fazer.
- Chuta.
– incentivei.
___

I hope you like it.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bia k.

avatar

Número de Mensagens : 4724
Idade : 22
Localização : no quarto do Bill
Tokio Hotel preferido : Bill kaulitz <3
Data de inscrição : 20/09/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sex 19 Dez 2008, 08:42

tou a gostar de ler

posta mais

bjs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.beatriz25595.hi5.com
D i a n a

avatar

Número de Mensagens : 118
Idade : 22
Localização : Ovar
Tokio Hotel preferido : *Tom Kaulitz*
Data de inscrição : 02/09/2007

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sex 19 Dez 2008, 09:02

HEY QUERO MAIS

uma proposta? que será?
beijiinhooo

<3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Líe
Moderadores
Moderadores
avatar

Número de Mensagens : 5265
Idade : 24
Localização : Loures,
Tokio Hotel preferido : Tommi
Data de inscrição : 04/01/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sex 19 Dez 2008, 13:47

Proposta ? Eláááh .
Claro que correu bem . Elas são as melhores u.u
Vodka redbull, ca bom *-*
Qero mais . E começo a achar o irmão da Anne bastante seqci Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bri

avatar

Número de Mensagens : 1544
Idade : 25
Localização : Portalegre
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 19/02/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Sab 20 Dez 2008, 04:30

Uma proposta ? Cool

Õ que virá aí?

Quero saber òó

Mais «3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://sayiitloud.blogspot.com
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Dom 21 Dez 2008, 05:57

Já agora pagavam uma rodada aqui ao pessoal todo!
Qual é a proposta? =D

Maiis!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
MaRianinhA

avatar

Número de Mensagens : 759
Idade : 24
Localização : With Him
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 08/05/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 24 Dez 2008, 04:58

Bons dias meninas!
Prontos, desempanquei xD
Ou seja já tenho mais alguns capitulos, mesmo assim não estou muito adiantada.
Não sei se vocês vão gostar do rumo da história mas eu espero bem que sim *-*
Entrou uma personagem nova como vocês já devem ter reparado. Agora vamos ficar a saber mais algumas coisinhas sobre ela, mas suponho que só no próximo capitulo é que ela fale mesmo dela.
Vou deixar-vos umas fotos da Victória : )
Spoiler:
 

Este hoje até tem direito a música pah, espero é que dê para ouvir toda xD


11º Capítulo


Disco - desconhecido

Ela sorriu. Os seus cabelos loiros com algumas madeixas pretas mostravam que tinha um estilo muito próprio e os seus olhos azuis transbordavam decisão e personalidade.
- Eu faço parte de um projecto de um espectáculo. Vai lá estar uma cantora rap famosa e ela está a precisar de bailarinos para a actuação dela, ocorreu-me que talvez vocês quisessem participar.
Esbugalhei muito os olhos. Uma cantora famosa?
- Quem é a cantora? – perguntei.
- Lil’ Mama. – respondeu a rir.
- Wooow, conta comigo. – respondi logo.
- E connosco. – disse logo a Katrin.
Ela pegou na bolsinha que tinha à cintura e tirou de lá um cartão e entregou-mo.
- Liguem-me se precisarem de alguma coisa. Já agora, sou a Victória. – sorriu-nos. – Tenho de ir trabalhar, vemo-nos por ai.
Desapareceu por trás de uma porta que ficava atrás do bar, nós olhámo-nos e guinchámos todas ao mesmo tempo. Fomos a correr para a mesa para contar a novidade aos rapazes.
- Então o que é que se passa? – perguntou o Gustav.
- Fomos convidadas para um espectáculo da Lil Mama. – respondi ofegante.
- Da Lil’ Mama. A Lil’ Mama mesmo? – perguntou o Tom.
- Siiiim. – respondemos todas ao mesmo tempo.
- Parabéns meninas. – disse o Simon. – Vamos dançar para comemorar.
- Vamos.
– disse a Kat.
A Lia e a Nat não foram, elas tinham de ir embora assim que acabasse o espectáculo e assim foi. Eu estava a dançar ao pé da Katrin quando alguém me puxou e me meteu a dançar em cima de uma coluna. Do outro lado, numa coluna também, estava a Katrin a dançar efusivamente. Imitei-a e deixei que a adrenalina toda que sentia se soltasse. Quando voltei a abrir os olhos encontrei os dele, pousados em mim, observava-me com um olhar sexy, observador, provocante. Respondi-lhe o sorriso provocador e desci da coluna. Passei pelas pessoas e parei quando cheguei a ele. Não pensei muito no que fiz, apenas dei uns passos em frente até estar bem perto dele e coloquei as minhas mãos no seu pescoço unindo-as depois por trás da sua cabeça. Ele meteu as mãos um pouco abaixo da minha cintura e depois foi só conduzir os movimentos dos dois ao som da música ritmada. Escondi a minha cabeça no seu pescoço, não queria pensar no que estava a fazer com o Bill, estava fora de mim, e aquele seu sorriso provocador mexeu com as minhas hormonas. Senti-o puxar-me mais para si, deixei-me ir, e encurtei também o espaço que as minhas mãos estavam da sua cabeça. Senti a respiração dele no meu pescoço e aí senti-me completamente extasiada, quase excitada até. Era impossível a maneira como ele me estava a deixar e quase que não me estava a tocar. Larguei as minhas mãos e levei uma delas ao seu cabelo, acariciando-o. Desenterrei a minha cabeça do seu pescoço e olhei-o. Estava tão entusiasmado quanto eu, estava com um ar ainda mais sofredor e mordia os lábios numa atitude calmante. Deixei-me ficar a olhá-lo durante alguns segundos e depois cedi à tentação. Deixei que os nossos lábios se aproximassem de forma gradual até se unirem num beijo quente. Assim que os nossos lábios se colaram senti um arrepio enorme, igualzinho ao que senti da primeira vez que nos tínhamos beijado. Os nossos lábios movimentavam-se em movimentos igualmente frenéticos, igualmente compassados. Entreabri os lábios deixando assim a sua língua vaguear de encontro à minha. Larguei o seu cabelo e coloquei as mãos nas suas costas puxando-o ainda mais para mim. Se havia, certamente, uma parte de mim que o queria colado ao meu corpo, havia também uma que o queria afastar de mim, a parte racional que dizia que nada daquilo estava certo, que tudo aquilo era errado. Bah Anne, já que o estás a fazer, ao menos faz por mais um bocado. Senti a sua mão subir pelas minhas costas, continuou a subir até chegar à minha face, onde ficou acariciando-a. Mas que raio estás tu a fazer Anne Sanders? Tirei as minhas mãos das suas costas e afastei-o lentamente. Ele não me pareceu surpreendido pelo meu acto, estava envergonhado isso eu conseguia ver a quilómetros de distância.
- Bem eu, ahm… - ele estava a tentar puxar o assunto e não sabia como o fazer.
- Eu, eu preciso de ir à casa de banho, já falo contigo. – respondi.
Afastei-me dele ainda na tentação de voltar atrás e me agarrar a ele de novo. Arrastei-me rapidamente até à casa de banho, posicionei-me em frente ao lavatório e pressionei a torneira. A água começou a escorrer do mecanismo metálico e eu passei as minhas mãos por ela, encharcando-as para depois as passar na cara com o intuito de me arrefecer e acalmar. Há muito que não dava um beijo tão profundo e arrebatador como aquele. Sentia-me viva, tão viva que temia pela possibilidade que assim que visse de novo o rapaz me atirar para cima dele.
Deixei-me mais algum tempo na casa de banho a recuperar o fôlego e a acalmar-me. Sabia que não podia fugir do que se ia passar a seguir. Era mais que inevitável que depois do beijo, houvesse uma conversa, e para falar a verdade eu queria mesmo essa conversa.
Limpei as gotas de água que escorriam pelo rosto e sai da casa de banho. Respirei fundo e olhei em volta tentando encontrar o Bill, mas não o vi. A única coisa que vi foi o Simon aparecer disparado na minha direcção. Disse que tínhamos de ir embora porque os pais da Katrin tinham ligado e como ela ia connosco para casa íamos ter de ir embora.
- Não me despedi dos rapazes. – resmunguei.
- Eu disse-lhes que íamos embora. Falas depois com eles, anda. – puxou-me para a porta.
No caminho para casa parámos única e exclusivamente para deixar a Katrin e depois seguimos para a nossa casa.
O Simon contou-me que tinha visto o meu pequeno, mas intenso, envolvimento com o Bill na discoteca e falámos um pouco sobre isso. Expliquei-lhe tudo o que ia na minha mente, sabia que para além de ser rapaz, por isso podia correr o risco de ele contar ao Tom e o Tom ao Bill, ele era meu irmão e nunca contaria nenhum segredo meu. Contei-lhe que estava demasiado envergonhada para falar com o Bill e ele apenas me sugeriu que deixasse as coisas andar, talvez nem precisássemos de falar muito no assunto para ultrapassarmos as coisas, afinal não era a primeira vez que trocávamos um beijo e depois estávamos como amigos. Isso acontecia exactamente a toda a hora.
Despedi-me do Simon alegando estar cansada e fui deitar-me. Esperava adormecer o mais rapidamente possível mas passei maior parte da noite a virar-me na cama e verdade seja dita, não dormi quase nada visto que só adormeci eram três da manha. Não conseguia parar de pensar na força sublime e carinhosa que os lábios do Bill exerciam sobre os meus, nas suas mãos finas e magras na minha cintura, na minha cara, na maneira como os nossos corpos se movimentavam em uníssono ao ritmo da musica. Estava a dar em doida. Quando fechei os olhos por volta das três, o sono já devia ser tanto, que eles fecharam-se e só voltaram a abrir-se no dia seguinte.
___

E então?

BOM NATAL PARA TODAS *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
D i a n a

avatar

Número de Mensagens : 118
Idade : 22
Localização : Ovar
Tokio Hotel preferido : *Tom Kaulitz*
Data de inscrição : 02/09/2007

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 24 Dez 2008, 07:13

Tá linda *-*

Um beijo woooo*.* que fofo*.*

eu acho que o que eles sente não deve ser mais escondido. eles têm que ficar juntos.

mais

beijiiinhoooo

<3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bri

avatar

Número de Mensagens : 1544
Idade : 25
Localização : Portalegre
Tokio Hotel preferido : Tom
Data de inscrição : 19/02/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 24 Dez 2008, 08:30

O Beijoo *___________*
Agora a Anne devia ter uma conversa com o Bill...
Bom Natal «3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://sayiitloud.blogspot.com
Líe
Moderadores
Moderadores
avatar

Número de Mensagens : 5265
Idade : 24
Localização : Loures,
Tokio Hotel preferido : Tommi
Data de inscrição : 04/01/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 24 Dez 2008, 09:47

Qe capítulo intenso Sôdona Mariana (:
Qero mais e Feliz Natal *w*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bia k.

avatar

Número de Mensagens : 4724
Idade : 22
Localização : no quarto do Bill
Tokio Hotel preferido : Bill kaulitz <3
Data de inscrição : 20/09/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 24 Dez 2008, 11:17

adoreiii

posta mais

Feliz Natal

beijinho
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.beatriz25595.hi5.com
Sathi Kaulitz

avatar

Número de Mensagens : 217
Idade : 23
Localização : Na escola...com o Bill!!
Tokio Hotel preferido : Bill Kaulitz
Data de inscrição : 08/02/2008

MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   Qua 24 Dez 2008, 21:08

WOW WOW WOW...

Mas porqe raio tu n ficas'te mais um bocado coladinha aos labios do Bill??

Agora na caminha as imagens passam pela mente...e as possibilidades de ter sido diferente tambem...mas tass !!


MAISSSSSSSSSSSSSS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: After Summer Everything Is Different *| 13 |*   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
After Summer Everything Is Different *| 13 |*
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Santa Maria Summer Fest 2012
» [Wassup] Hotter than a summer Teaser
» One Direction quer escrever músicas para 5 Seconds of Summer e Neon Jungle
» MILKorean Summer 2013
» 666 MusicFest X - "Feels like a Summer Breeze"

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum Português dos Tokio Hotel :: Inacabadas-
Ir para: